top of page

A Natureza nos devolve daquilo que a impregnamos




A Natureza nos devolve aquilo com que a impregnamos; o oxigênio puro, cristalino, ou maculado pela exploração material desmedida, envenenado pelo lançamento de elementos tóxicos, permanentemente, na atmosfera contribuindo para que os mesmos agentes, ou seja, nós, a Humanidade em desalinho, venhamos a recolher, por meio da fragilidade, sobretudo respiratória, os efeitos da poluição física e vibracional pela qual somos responsáveis diretos.

Os atos comuns e impensados do dia a dia, a ausência de cuidados na utilização e descarte de resíduos sólidos, banalizados na conduta invigilante, desencadeiam os eventos climáticos de aquecimento global, ocasionando desastres naturais, flagelos dentre outros que a Lei de Destruição nos esclarece.

Unamo-nos em prol das emanações e irradiações positivas e límpidas do bem e da paz, contribuindo todos e cada um com a atitude lúcida e consciente para produzir a restauração dos ambientes físicos, mentais e espirituais, arrefecendo os impactos das moléstias e dos vírus que provocam dor e instabilidades.

A cura da Alma está no Amor, independentemente da condição de encarnados ou como Espíritos habitando o plano extra-físico.

Que encontremos Jesus, o Mestre Amigo e Orientador de nosso caminho, nas lições da Boa Nova!

Vivamos as premissas do Evangelho redentor que nos convidam à mudança, tanto nas pequenas como nas grandes decisões.

Que a Paz do Cristo nos acompanhe agora e sempre.

Espírito L.

Grupo Yvonne Pereira, 23 de novembro de 2011. DAE/HEPA

Médium Lea B. Duarte.

Comments


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square