MEMÓRIAS DE UM SUICIDA – Parte 3 – As lições de Epaminondas de Vigo


Primeira lição – Conhece-te a ti mesmo. Qual a origem dessa frase? Qual o método de Epaminondas para ensinar tal lição? Por que conhecer a si mesmo? Como conhecer a si mesmo? O pórtico da Escola de Ciências ostentava os seguintes preceitos: “Homem! Conhece-te a ti mesmo!”e “Ninguém entrará no Reino de Deus se não renascer de novo” e tais frases irão nortear nossa busca pelas respostas.

Pausânias[1] era geógrafo e viajante grego. Viveu no século II e registrou com detalhes suas viagens, o que permite reconstruir a Grécia de seu tempo. Na Seção 1 do Capítulo 24 (Templo de Apolo em Delphos[2]) do Tomo 10 (Região da Fócia), narra que sete sábios gregos dedicaram a Apolo[3] as celebradas máximas “Conhece-te a ti mesmo” e “Nada em excesso”.[4]

(continua)

REFERÊNCIAS:

[1]https://pt.wikipedia.org/wiki/Paus%C3%A2nias_(ge%C3%B3grafo)

[2]A beleza da pitonisa de Delphos foi imortalizada no teto da capela sistina;confira em https://goo.gl/yFHkm3- acessado em 04 jul. 2017. São dignos de nota, ainda, os versos 514 a 524 do Livro I de As Metamorfoses de Ovídio, momento em que ocorre a clara referência às terras de Delfos e a seu famoso oráculo, especialmente na seguinte parte: “(...) por intermédio de mim [Apolo] o que será, o que foi e o que é se mostram; por intermédio de mim [Apolo] os poemas se compatibilizam às cordas.”- OVÍDIO, As metamorfoses, tradução organizada por Mauri Furlan e Zilma Gesser Nunes, Florianópolis: Editora UFSC, 2017, p. 59.

[3] “Febo, Phoebus, -i, uma das divindades da mitologia greco-romana, filho de Júpiter [Zeus] e Latona [Leto], irmão de Diana [Ártemis]. Também chamado de Apolo, especialmente na mitologia grega. Febo, em grego, significa “brilhante”, sendo usado nessa língua como um dos epítetos de Apolo. Febo tornou-se mais usual entre os romanos para se referir ao deus. Era representado como um deus muito belo, alto, de longos cabelos negros com reflexos azulados. No monte Parnaso, onde presidia os jogos das Musas, era representado como o deus da música e da poesia. Também era considerado deus da adivinhação e seus oráculos eram na maior parte das vezes expressos em versos, inspirando tanto os adivinhos como os poetas. Mas Febo também era um deus guerreiro e carregava sempre um arco e flechas. (...) Pode significar, por metonímia, o Sol ou o deus Hélio, pai de Faetone” - OVÍDIO, As metamorfoses, tradução organizada por Mauri Furlan e Zilma Gesser Nunes, Florianópolis: Editora UFSC, 2017, p. 773.

[4]São eles Tales de Mileto, Bias de Priene, Aeolians de Lesbos, Pítaco de Mitylene, Cleóbolos de Lindos, Sólon de Atenas e Quilon de Esparta. Confira em https://goo.gl/NoNxoG acessado em 04 jul. 2017.

*Pintura de Monet (Mulher com sombrinha "Woman with a Parasol" - do National Gallery of Art - Washington/DC) de 1875.

#JoséTerra

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Fergs, um século de luz.

Contato/Localização

Travessa Azevedo, 88 Floresta Porto Alegre, RS 90.220-200

Redes

Ativo 7.png
Ativo 4.png
Ativo 6.png

Fone: (51) 3224.1493

Caixa Postal 4715

NÚMERO DE VISITANTES

© 2020 Área de Comunicação Social Espírita da Federação Espírita do Rio Grande do Sul