MEMÓRIAS DE UM SUICIDA – Parte 3.3 – As lições de Epaminondas de Vigo


A descrição psicológica de Epaminondas é de um homem com rigidez de costumes, virtudes inatacáveis, energia inquebrantável e atitude varonil. Mas, acima de tudo, um gigante da oratória.

Camilo explica que “o emérito educador auxiliava-nos a esfolhar a própria consciência”. Tarefa árdua e ao mesmo tempo apavorante, pois desnudava o estudante perante os demais, revelando suas fraquezas e quedas, equívocos e sofrimentos. Porém, igualmente mostrava força e soerguimento, acertos e alegrias. O aspecto científico da verdade seria também desvelado.

Podem, dessa forma, ser divididas as lições de Epaminondas em dois grandes eixos. O primeiro eixo trata da necessidade de nos conhecermos e a segunda da necessidade de nascermos de novo para entrarmos no Reino de Deus.

(continua)

Pintura de John La Farge (Visita de Nicodemos a Cristo "Visit of Nicodemus to Christ" -

do Smithsonian American Art Museum) de 1880.

#JoséTerra

0 visualização

Fergs, um século de luz.

Contato/Localização

Travessa Azevedo, 88 Floresta Porto Alegre, RS 90.220-200

Redes

Ativo 7.png
Ativo 4.png
Ativo 6.png

Fone: (51) 3224.1493

Caixa Postal 4715

NÚMERO DE VISITANTES

© 2020 Área de Comunicação Social Espírita da Federação Espírita do Rio Grande do Sul